Além da Vida

16 02 2011

Quando foi a última vez que parou para pensar no que vem depois da única certeza que tem na vida: a morte?  
O coração acelera. O medo do desconhecido toma conta. Como conviver com uma verdade tão absoluta?   
Para alguns, o tema não é nada agradável… Para outros, uma ótima filosofia para criar hipóteses.

Independente se você prefere ignorar o assunto ou se adora estudá-lo, o filme novo de Clint Eastwood é uma ótima indicação.

As imagens dos cinco primeiros minutos do filme já valem o ingresso ou a locação… É difícil desgrudar os olhos da tela.

Apesar do tema ser polêmico, Eastwood consegue abordá-lo de uma maneira delicada. O enredo é levado por histórias de personagens que se unem pelo destino e por um interesse em comum: a vida após a morte.

Marie Delay fica desnorteada depois de sofrer o acidente

– A jornalista francesa Marie Delay (Cécile de France) passa por uma experiência de quase-morte em uma viagem. Quando retorna à França, já não é a mesma mulher de antes. Ela não consegue seguir a vida. Ela precisa compartilhar e estudar mais sobre o que sentiu e o que viu…

Marcus: solitário e cheio de dúvidas a respeito da vida após a morte

– O pequeno inglês Marcus (interpretado pelos gêmeos George e Frankie McLaren) sofre com a perda do seu irmão gêmeo e a adoção temporária que teve que se submeter por causa da dependência química da mãe. Desde então, seu maior objetivo passa a ser a tentativa de comunicação com o irmão do outro lado…

Medium: dom ou maldição?

– Nos EUA, um jovem tímido tenta ignorar um dom que possui. George Lonegan (Matt Damon) consegue se comunicar com os espíritos, mas evita fazer as comunicações, pois, para ele, não existe vida decente baseada na morte…

A conexão das vidas desses três personagens acontece em uma sincronia absoluta: um precisa do outro para seguir em frente. O encontro é bastante emocionante e, apesar de ser bastante triste, fica longe de ser um dramalhão que faz o telespectador soluçar de tanto chorar.  

Segundo o diretor do filme, o maior objetivo do filme era mostrar como a morte valoriza a vida e aproxima os vivos. E, acredite, esse objetivo é alcançado…   

(Informações gerais:  Hereafter, 2010, 129 minutos, drama, direção: Clint Eastwood e roteiro: Peter Morgan)


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: